sexta-feira, 21 de outubro de 2016

CHAMO-TE MAR






Sonâmbulos de olhos abertos
os rios seguem o caminho das águas

ergo pela cintura
o teu corpo alado

chamo-te mar
na ausência dos pássaros

canto em campânula
no ouvido dos búzios

Eufrázio Filipe

19 comentários:

Maria Eu disse...

Uma belíssima declaração de amor!

Beijos, MA :)

Thaís Francisco disse...

lindo!

Graça Sampaio disse...

Que lindo!! E o mar sempre presente: azul, transparente, luminoso... Muito bonito!

Sandra Louçano disse...

Que belo momento de poesia, e como diz, e muito bem a Maria, estamos perante uma declaração de amor muito bonita :)
Fica um beijo com estima, admiração e carinho.

Marta Vinhais disse...

E escrevo nos segredos do mar....
Lindo...
Beijos e abraços
Marta

Agostinho disse...

Um poema dito
num sussurro inaudito
Que leveza tem como azul?

Pepitas a dourar a poesia.
Abraço.

Magia da Inês disse...

✿゚ه° ·.
Simplesmente lindo demais!!!

Bom fim de semana com tudo de bom!
Beijinhos.
✿゚ه° ·.

Janita disse...

Podia chamar-te
Céu
podia chamar-te
Luz
podia chamar-te
Amor
mas chamo-te: Mar!

Mar
porque és profundo
imenso, sem fim
como infinita
é a minha Cruz...

Deixo um beijo, Poeta Mar.

manuela barroso disse...

Poesia sempre com os " pauzinhos" de tal forma colocados... Como um belo jogo de xadrez .
".canto em campânula no ouvido dos búzios ". Belo !
Beijo , Mar !

jrd disse...

O som do mar nos rios que são as mãos do poeta.
Abraço fraterno

ana disse...

Bonito.
Bj

Rogerio G. V. Pereira disse...

"os rios seguem o caminho das águas"
que as margens se mantenham amigas

Lumife disse...

Grato pelas visitas ao blog Dando Voz Aos Poetas e pelo comentário que me dirigiu.
Tentarei visitar com mais frequência o Mar Arável onde a sua inspiração oferece belíssimos momentos.

Saudações !

Luis Milhano (Lumife)

graça Alves disse...

Simples e bonito!
bj

LuísM Castanheira disse...

sábios os rios...
que sabem o caminho.

teresa dias disse...

A força do mar conjuga na perfeição com a espontaneidade das palavras.
Belíssimo!

Odete Ferreira disse...

Sou rio de encontro à foz. Apenas percurso.
Adoro o mar onde navegas.
Bj

Ailime disse...

Muito belo este mar.
Beijinhos,
Ailime

Teresa Almeida disse...

Leio-te como um todo e encanto-me.
Beijinho.