domingo, 24 de setembro de 2017

MANUEL BISPO DE SETÚBAL HOMEM INCOMENSURÁVEL





Deixo aqui uma singela palavra amiga ao Homem e Bispo, sem complexos de lapelas, 
com quem partilhei pessoal e institucionalmente, pensamentos palavras e obras. 
Não deixemos morrer os nossos mortos.



quinta-feira, 21 de setembro de 2017

FOLHAS DESPRENDIDAS






A pestanejar
sentámo-nos
no cais
onde as marés se aconchegam

falámos quase tudo
partimos
sábios e mudos

na mesa deixámos
folhas desprendidas
a fingir de barcos


Eufrázio Filipe
"CHÃO DE MARÉS"  editora Lua de Marfim


quarta-feira, 13 de setembro de 2017

CLARIDADE





Estavam as romãs
quase maduras
quando fabulosa
uma sombra
aflorou em pleno voo
os teus lábios

O mar inteiro
no chão dos barcos
recolheu as tuas penas

as romãs perderam a cor
por te ver
vestida de preto

mas foi assim
que regressaste do exílio
claridade

Eufrázio Filipe

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

IMPENITENTE






Impenitente
peregrino num santuário
de faúlhas
desponto migalhas
que distribuo aos pássaros
na mesa do alpendre

Quando a noite cai
escura
tão bela e escura
impenitente
acendo um fósforo
só para te ver

asa que não dorme
mais leve que o próprio voo

por sobre as águas

Eufrázio Filipe

segunda-feira, 28 de agosto de 2017

A PRIMITIVA CHAMA






Resistimos à perfeição
ancorados de olhos abertos
num beijo completo

inextinguíveis
desbravámos
a primitiva chama

dissolvemos a saliva das palavras

Eufrázio Filipe