quinta-feira, 15 de novembro de 2007

O FIO DA MEADA ( 5 )

manneken pis








O frio era tanto em Bruxelas que até o Manneken Pis ostentava



um arco gelado de água potável em vez do célebre mijo corrente



que o tornaram lendário.



Devotos e de olhos perfeitamente vidrados,os basbaques



disparavam ofegantes máquinas fotográficas e tentavam interpretar



de vários ângulos a "religiosidade" do fenómeno.



Na verdade o menino não mijava conforme a lenda.



De repente,o arco gelado - quebrou-se - fulminado



por uma gargalhada estridente de um turista.



Só podia fazer o que fiz - comovi-me perante o lancinante



e dramático coro de lágrimas da assistencia,sem conter um sorriso



quando alguém delirou



Milagre.



Finalmente a estátua mijava.







7 comentários:

Maria disse...

(gargalhadas)
Finalmente o puto mijou!!!
(mais gargalhadas)
Meio metro de bronze logo ali ao pé da Grand Place...
... a mijar!!
Milagre!

Abraço

isabel mendes ferreira disse...

finalmente!!!!!!







________________.

Graça Pires disse...

Gostei do humor e das gargalhadas da Maria. Um abraço.

samuel disse...

Não havia necessidade de se rirem do miúdo. Pode acontecer a qualquer um...

un dress disse...

entre o riso e a ternura....:)))





~~ beijO

herético disse...

quebrou-se o gelo? que pena!

agora é vê-los mijar pro ar!...

abraços

jrd disse...

Com tamanho jacto o miúdo até mata baratas no passeio. E há cada uma em Bruxelas...