segunda-feira, 5 de setembro de 2011

LÁGRIMA SOLTA




Quando a estátua
deixou de ser estátua

eu vi

uma lágrima solta
nos olhos
da pedra




45 comentários:

folha seca disse...

De onde menos se espera sai uma lágrima...
Curto mas dá muito que pensar.
Abraço

Vítor Fernandes disse...

Por fim, livre.

Isabel disse...

Muito bonito.

Um abraço

jrd disse...

Belíssimo!
A fusão do poema.

Canto da Boca disse...

Até a crueza da pedra exprime exprime a emoção da estátua!

Belo, belo!

ana disse...

Belo.
Foi o sal do mar que a humanizou.

Isa GT disse...

Numa altura destas, nem as estátuas querem... deixar de o ser
...ou se calhar... a 1ªcoisa que ouviu... foi o Gaspar ;)

Bjos

Flor de Jasmim disse...

A dureza também chora!!!
As minhas lágrimas são os meus gritos em silêncio.
Beijo

Maria João disse...

Há tantas estátuas que não deixam de ser estátuas e, por isso, tantas lágrimas ainda aprisionadas.

Este poema seu, é tãp cristalino quanto essa lágrima!

Um abraço

Sonhadora disse...

Poeta

É no silêncio do vazio que a a vida grita.

Um beijo
Rosa

Leonardo B. disse...

[e dos "olhos da pedra" a palavra que renova o mundo, a breve nascente que o poeta testemunha e traz, dentro]

um imenso abraço,

Leonardo B.

BRANCAMAR disse...

São estas as lágrimas que me comovem, quando soltas trazem um mundo dentro delas...

Tão lindo Eufrázio, tanto em tão poucas palavras...!

Beijos
Branca

marlene edir severino disse...

Tristeza
de pedra!

Abraço pra ti!

Mirian Martin disse...

Ainda que uma lágrima de pedra, uma lágrima que aquece, porque tem vida.

bjs

OceanoAzul.Sonhos disse...

As estátuas, frias e distantes, também choram.

Sempre bom lê-lo.
Um abraço
oa.s

Maria disse...

Suave lágrima...

Beijo.

Sônia Brandão disse...

Um dia a pedra há de florir.

bj

© Piedade Araújo Sol disse...

os poetas sempre conseguem ver mais além....

um lágrima de pedra ou a lágrima na pedra ou ainda a pedra na lágrima..

inovador...

~uma boa semana1

um beij

Carlos Ramos disse...

Poema e fotografia em perfeita simbiose, a fotografia é tua?

OutrosEncantos disse...

"porque as pedras também sentem"...

belissimo, Mar!
beijo.

oasis dossonhos disse...

Amigo:
Tão denso na aparente simplicidade. Tão belo, tão intenso, tão envolvente! Aqui, encontro sempre alimento para os dias de sombra, há sempre uma luz, que estimula um novo fôlego. Bem Hajas, Companheiro de Sonhos! Abraço
Luís

blueangel disse...

Olá Mar Arável,

E a pedra respira, acredite...cuidei dela durante muitos anos. Falam...cada uma tem a sua história e os seus segredos.
Feche os olhos e sinta as formas de uma escultura.Antes de ver devemos primeiro tocar de olhos fechados.

Um abraço

Blue

Secreta disse...

Uma lágrima pesada que solta os sentires...

Justine disse...

Há milagres todos os dias, e às vezes não damos por eles...

lino disse...

Simplicidade e beleza!
Abraço

joaquimdocarmo disse...

Chorou de saudade, por certo!...
Abraço
Quicas

São disse...

Emocionante!!

Fê-blue bird disse...

Uma lágrima pode mudar tudo, até a dureza !
Bjs

mfc disse...

Há tanto choro sufocado...

Fa menor disse...

Chegarão alturas em que a pedra mais dura se desfará em lágrimas.

Baby disse...

Cansada de ser pedra, ela chorou e se consciencializou, pois nada neste mundo permanecerá para sempre indiferente.
Um abraço.

R. disse...

Se a estátua deixou de o ser, a pedra perdeu a forma...

Lídia Borges disse...

Uma imagem poética belíssima.
Uma lágrima nascida da pedra [insensível]...

L.B.

tecas disse...

Fabuloso! Quanta sensibilidade... e soltei uma lágrima!!!
Saudações poéticas.

Nilson Barcelli disse...

Há lágrimas assim...

Abraço.

Ana Paula Sena disse...

Às vezes, os tempos são daqueles em que até os seres de pedra choram.

Belo.

Um abraço.

antonio ganhão disse...

Das nossas lágrimas sobrámos nós, estátuas de pedra.

Graça Pires disse...

Maravilhoso! Tão ao seu jeito...
Beijos,amigo.

Evanir disse...

Uma quinta feira linda pra vc. Sempre haverá um anjo zelando por você.
Acredite.
Renove-se. Ame-se de verdade. Agora é primavera vamos
sentir o perfume que exalam das flores.
Nessa primavéra linda venha comemorar comigo.
Os meus 1000 seguidores.
Muito simples mais deixei para você um mimo na minha postagem.
Agradeço o carinho a mim dedicado.
Deus abençoe você.
Eu Amo Cada Um De vocês.
Beijos de paz e luz.
Evanir

Mel de Carvalho disse...

quando choram as pedras as lágrimas são (tão) maiores
que nos faltam
as palavras

abraço daqui
Mel

Anónimo disse...

Lágrimas de chumbo
mas, sim, brindemos à dor e à raiva que nos libertarão.
Abç da bettips

Lena disse...

Ah se as pedras falassem....

Licínia Quitério disse...

Bela síntese, Eufrázio!

Laura Ferreira disse...

Lindo. Dá vontade de continuar...

Anónimo disse...

Dizer tanto
com tamanha profundidade
e tão poucas palavras...

...é arte

princesa