segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

UM DEUS ENTRISTECIDO



Não são os teus olhos meninos
que me doem
mas a expressão
de um deus entristecido
que não canta

por falta de espaço

52 comentários:

folha seca disse...

Caro Mar Arável
Quantas crianças não vão passar o Natal com esta expressão.
Quantos pais não vão olhar para essas crianças e sentir um nó na garganta. Quanta falta de esperança vai ser sentida neste Natal.
Sim há um Deus entristecido dentro de nós, mas acho que devemos cantar. Temos que voltar a fazer da "cantiga uma arma".
Abraço

Maria disse...

Fortemente belo!

Beijo.

Kássia Kiss disse...

Lindo, lindo, lindo!!!

lino disse...

Lindo e triste!
Abraço

Jorge disse...

Bom quadro com olhos e palavras sábias! Bom Natal.

hfm disse...

Tão poucas palavras para dizer tanto! Belíssimo!

jrd disse...

Se Deus cantasse não era crente.

flor de jasmim disse...

Caro Mar Arável
Não sei comentar poemas,mas o que vi e li, fez com que uma lágrima rolasse pela minha face. Não por olhar esta criança, mas pensando em quantas mais e adultos vamos ter com esse olhar triste no futuro. Sim porque tudo indica que é o mais provável. Era bom que assim não fosse.
Abraço

António R. disse...

Não há palavras para comentar essa expressão, que infelizmente não é só das crianças, pois também muitos pais não encontram razões para sorrir ou cantar.
Abraço.

ana disse...

Falta de espaço... torna-se a realidade quotidiana neste canto mais ocidental onde o mar é a fronteira!

tulipa disse...

LINDO!!!

Os versos e poema são lindos e aquecem a alma.

Aproveito a ocasião para desejar

Boas Festas e

Um Bom Ano de 2011

Abracinhos quentinhos.

R. disse...

Com efeito, o espaço pessoal para a presença divina tem vindo massivamente a perder-se.

(Sempre admiravelmente expressivo, Eufrázio).

Rogério Pereira disse...

Meu querido poeta
A dimensão do poema
não sendo maior que essa pena
dá-lhe a expressão certa

Recuperemos etão o espaço em falta!

Maria João disse...

Sendo poucas, são tantas as palavras, que não me resta espaço para dizer mais nada....

Feliz Natal, Eufrázio!

Teresa Durães disse...

talvez os Homens se tenham afastado

Léo Silva Web Design disse...

MUITO BOM ! Adorei o seu blog ! Visite o meu blog sobre poemas, e retribua o comentário ! http://leonardotk.blogspot.com/ SIGA MEU BLOG que eu sigo o seu de volta !caso queira seguir. Se puder ser poder fazer parceria :) Obrigado ! volto sempre aqui xD!

BRANCAMAR disse...

Querido amigo,

Em poucas palavras resume todas as contradições desta festa e sendo as crianças o melhor do mundo, a sua tristeza é também o que mais nos dói, pois todos os meninos deveriam sorrir.

Tenha um Natal o melhor possível.
Beijinhos
Branca

intimidades disse...

:(

Bjinhos

Paula

© Piedade Araújo Sol disse...

tão curto e tão sensivel...

bom Natal e obrigada!

um beij

Marta disse...

Aproveito para desejar Um Feliz Natal!

Bjs

JPD disse...

Feliz Natal!
Um abraço

MARIA disse...

Quanta beleza a contida nestas palavras!

Bom natal, festas felizes.

Graça disse...

[gosto do teu dizer poético]


Um bom Natal e um beijo meu.

JPD disse...

Feliz Natal!
Um abraço

carlos pereira disse...

Caro amigo Eufrázio;
Lindo poema.
O que entristece mais não são as lágrimas de uma criança, mas os promotores das mesmas.

"Se ao menos soubéssemos
Transformar suas lágrimas em flores
Limpar seus agrestes caminhos
Das ervas daninhas d'amargura;
Fazer das suas as nossas dores
E tornar macia a sua cama dura."

Um forte abraço.

Sônia Brandão disse...

Eu ouço o canto
e sua cor é púrpura.

Feliz Natal!

margusta disse...

LINDO e profundo!!!

Um FELIZ NATAL amigo!

José Carlos Brandão disse...

Repito o que minha mulher disse: eu ouço o canto púrpura de Deus.

Pobres das crianças sem voz. Mas Deus ainda canta.

Uma felizs celebração do Natal para você e toda a família - e um Ano Novo brilhante de esperanças realizadas.

Graça Pires disse...

Comoventemente belo!
Com a Vida e com o Amor celebre em seu coração a Luz deste Natal. Que 2011 seja um ano MELHOR.
Um beijo.


E o livro?

Justine disse...

E só aí, nos olhos das crianças, estão os verdadeiros deuses.
Boas Festas

OutrosEncantos disse...

Na verdade Mar, este não é um momento tão feliz para todo o mundo, como todos querem acreditar. E tu disseste neste poema maravilhoso o desencanto dos mais desprotegidos, que são as nossas crianças nas ruas e também os nossos velhos pelos bancos dos jardins, ou nas escadas do Metro, ou nos degraus das portas. Nesta época os "criativos" deveriam ter capacidade para inventar um Natal feliz para todos os dias, para todos os carentes dos afectos da sociedade, de corpos tolhidos de fome e frio, ou talvez Deus que fizesse um milagre...
Venho agradecer-te teres passado no meu canto e desejar-te que estes dias te sejam felizes e de paz.
Abraço.

Anónimo disse...

Também a tristeza
dá origem
a tão belos poemas!

É sempre bom
espreitar
este mar!

saudades

princesa

Lena disse...

O Natal acaba por ser uma festa bém triste...são nestes dias onde uma criança da conta ainda mais das injustiças do mundo no qual vivemos...

Beijos

Arábica disse...

Entardeceu.

Um abraço e que o "Natal" aconteça.

joaquimdocarmo disse...

E que Lhe demos algum espaço, finalmente!
Abraço! Festas Felizes, amigo!

alice disse...

um feliz natal, querido eufrázio. beijinho amigo!

A. disse...

Vim aqui desejar-te um bom Natal!
:)
Beijinhos
Ana

mundo azul disse...

_________________________________

Infelizmente há muitos olhos tristes e bocas caladas...

Gostei do seu poema!


Feliz Natal e um Ano Novo pleno de realizações!

______________________________

Sonhadora disse...

Poeta

Votos de Feliz Natal junto de todos que lhe são queridos.

Beijinho
Sonhadora

MAR disse...

Yo quiero a todo el mundo feliz para esta navidad.
FELICIDADES PARA TI.
Besos y abrazos.
mar

JB disse...

Como me tocaram as tuas palavras!!!

Por agora, venho desejar-te um Santo e Feliz Natal, cheio de paz, saúde e amor!

Beijinho

Sonia Schmorantz disse...

Todos os dias deste ano,
Você esteve presente.
Fazendo-me sorrir, trazendo conforto e incentivando a continuar.
Todas suas palavras, seus comentários e presença foram muito importantes.
E é com todo carinho que desejo
Tudo de bom na sua vida,
Um Natal repleto de alegrias.
E que todos seus sonhos se tornem realidade neste
E em todos os Natais que ainda virão.
Um forte abraço.
Feliz Natal!

Licínia Quitério disse...

Também os deuses precisam de espaço para cantar.

Abraço e Bom Natal.

Sara disse...

Belo e pleno de verdade.
Um bom Natal e um óptimo ano de 2011 para si, Eufrázio!

Meg disse...

Meu caro Eufrázio,

Hoje só venho desejar-te um Natal Feliz,
com paz, alegria e muita saúde!
Um beijo da
Meg

http://recalcitrante-meg.blogspot.com

Anónimo disse...

e forte o meu abraço.


nunca entristecido. antes feliz de o conhecer.


um bom Natal....Poeta.


imf.

Sofá Amarelo disse...

Olhos de olhar disfarçado de lágrimas salgadas e que caem na face por falta de espaço de cair na alma!

Boas Festas e forte abraço do Sofá Amarelo!

partilha de silêncios disse...

Desejo um Natal muito Feliz , onde não falte este "espaço".

bjs

Virgínia do Carmo disse...

Acredito que Deus terá sempre o seu espaço nos olhos daqueles que, mesmo não o (re)conhecendo, e mesmo não crendo, fazem da sua voz e dos seus gestos braços que carregam o bálsamo da generosidade e da bondade através das feridas da humanidade... Mas seria tão bom, de facto, se ele tivesse espaço em mais olhos...

Eufrázio, votos de um resto de dia de Natal feliz, e que o novo ano seja de bençãos e venturas, literárias e outras!

Um abraço natalício

mdsol disse...

A criança não tem espaço
deus não tem que dizer

será?

Tania regina Contreiras disse...

Belo e triste...E o que o ano novo chegue renovando nossas esperanças, trazendo de dentro de nós a criança que deixamos tantas vezes esquecida.
Beijos,

Hanaé Pais disse...

Que triste Eufrázio, que triste!
Crianças sem ninguém para as proteger.
Crianças abandonadas, desesperadas e muitas delas exploradas...