domingo, 24 de janeiro de 2010

PASSOS PERDIDOS




No Monte da Volta do Cajado, na tasquinha do Velho Cangalho, o senhor Estevaínha, ancião respeitado, estava à conversa com um punhado de pastores, a exercitar um pensamento que registei de passagem.

... ou se defende o cada vez pior para melhorar ou se aceita o antes assim que pior. Não concordo. Temos de encontrar uma outra saída.
Proponho um encontro de sábios inocentes, eleitos de braço no ar,
nas eiras, para reflectir àcerca da dispneia - de modo a que o país não sopre tanto para o vento, nos passos perdidos ...

- Passos perdidos? Onde ficam os passos perdidos?

- Nos passos que não deste.

28 comentários:

Ana Paula Sena disse...

Gostei muito de o ler, aqui neste pequeno texto que nos interpela e convida à acção.

Um abraço :)

jrd disse...

É isso! O Senhor Estevainha está com o saber à flor dos muitos anos. Só que não há sábios inocentes e os pastores nunca foram deputados.
Abraço

Meg disse...

Passos perdidos...
Tão perdidos que já de nada nos valem.

Um abraço

gabriela r martins disse...

excelente ,Passeante





.
um beijo

lino disse...

Sábia resposta!
Abraço

MARIA disse...

Pois amigo, o problema é que não pode caminhar-se em várias direcções ao mesmo tempo.
Ora quando é grande a desorientação, os Povos são como as pessoas : por vezes paralizam-se na questão de descobrir por onde caminhar ...

Uma boa semana .

maré disse...

como basta tão pouco para dizer o muito que não se explica.

não há maior sabedoria que aquela que nos legam os quase iletrados.

àparte, são só "conciliações" que se repetem.

_____

beijos Eufrázio

São disse...

...muito, muitissimo perdidos estamos, efectivamente.

Bom dia, Companheiro

célia musilli disse...

Gostei muito do seu blog e grata pela visita ao Sensivel Desafio.Um bj!

hfm disse...

Da poesia das respostas.

Arabica disse...

Dar um passo significa escolha de direcção num trajecto a seguir. A escolha faz pensar. Pensar obriga-nos a assumir erros e lacunas e outras dores na construção da reflexão. Já viu a ralação que significa dar um passo?
Deve ser por isso, que tantos ficam por dar... :)

Um abraço.

mundo azul disse...

_________________________________

...sim! Perdemos muitos e muitos passos... Infelizmente, não há como recupera-los.


Muito reflexivo o seu texto!

Beijos de luz e o meu carinho...

_________________________________

Artur Gonçalves Dias disse...

epílogo magistral num texto muito bem escrito

belo espaço

Saudações

Analuka disse...

Abraços alados azuis, da cor do céu e do mar!!!

Justine disse...

Adorei o teu poema, num momento em que me limito a dar passos perdidos:)))

Licínia Quitério disse...

Um toque de humor nesse dizer pleno de sabedoria. Passos perdidos, passos não dados, passos mal dados. Enfim...cá vamos passando (mal).

alice disse...

ainda bem que há palavras nos espaços destes passos :) muito bom, muito bom muito bom! beijinho*

heretico disse...

sábias palavras, "inacabadas" obras!
excelente.

abraços

Fabrício Santiago disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Teresa Durães disse...

Concordo plenamente. Há que achar caminhos diferentes

Fabrício Santiago disse...

eu que te dou boas vindas no meu mar encapelado
abraços

Chris disse...

O encontro com sábios inocentes...
gostei da inteligência guardada neste texto...
Um beijo
Chris

isabel mendes ferreira disse...

Mar....oh Mar tão arável.....




pastor de todos os momentos...


que bom...



beijo Amigo.


________________


(

batista disse...

Amigo, permita-me assim chamá-lo: simplesmente a-d-o-r-e-i o texto!!!
Vez por outra por cá abordamos a questão, mas é sempre bom ouvir, perceber que algo pode e deve ser expresso das mais variadas maneiras.
Um abraço fraterno.

Maria disse...

Tão belas as palavras, tão sábio este texto!!!

Beijo.

JPD disse...

Belíssimo!

(Há um perigo nos Passos Perdidos que e o de serem inexoravelmente ignorados.)

Saudações

Sofá Amarelo disse...

Sábios homens das searas e das planícies que em sábias palavras definem o mundo...

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Bonito e melancólico, me chama atenção, dentro da minha vida, para o comodismo, para o relaxamento. Caso contrário, acumularei passos perdidos....
Bom ter alguém a me lembrar!